formas pensamento
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Formas Pensamento

Formas pensamento são frequências energéticas que ficam na dimensão mental inferior e servem para conseguirmos interpretar e criar a realidade.

No módulo passado citei o conceito de formas pensamento e como esse é um assunto complexo e continuará importante para nós daqui pra frente, vamos entender melhor como ele funciona. Até agora, sabemos que temos vários corpos dimensionais e cada um deles é responsável por armazenar um aspecto do nosso ser.

Esses corpos dimensionais estão no mesmo espaço, isto é, temos o corpo físico e no mesmo espaço temos o corpo energético, o corpo astral, o mental inferior e o mental superior. Eles vibram em frequências diferentes, por isso que é possível que além de interligados, eles ocupem o mesmo lugar.

No corpo astral ficam registradas as emoções, por isso, quando saímos do corpo, os sentimentos são ampliados, sejam positivos ou não. Logo após o corpo astral temos o corpo mental inferior, nele se forma o ego e todos os pensamentos relacionados ao planeta Terra, ou seja, tudo o que pensamos com relação à nossa existência aqui.

E apenas para complementar, porque só vamos até o mental inferior, temos o corpo mental superior, nele ficam as ideias gerais do universo. Quando temos uma intuição é porque acessamos uma ideia do mental superior, trouxemos para o mental inferior e então, para a mente, assim conseguimos materializar essa ideia na terceira dimensão.

Agora um exercício simples, peço que pense em uma maçã. Imagino que imediatamente a imagem de uma maçã tenha se formado na sua mente. Por quê? Quando falo pense em uma maçã, você acessa seu corpo mental inferior, em uma velocidade superior à da luz, e busca a referência nessa biblioteca do que armazenou como maçã.

Por isso, quando não compreendemos um idioma não conseguimos montar uma imagem mental. Então, se falo pense em rosnic, nada acontece, pois o que é rosnic? Rosnic pode ser maçã em húngaro, mas não sabemos, logo, o objeto não surge na mente. Mas como há no corpo mental inferior a imagem mental para a palavra maçã, ela se materializa no cérebro físico.

Há uma conexão entre o mental inferior e o cérebro físico, pois tudo que está no mental inferior pode ser acessado por ele. O cérebro físico é como um programa de computador que interpreta a imagem e lança para a consciência física criando nossa imaginação. Nós fazemos esse processo o dia inteiro, criamos imagens mentais constantemente e essas são as formas pensamento.

As formas pensamento ficam na dimensão mental inferior, nos rodeando, como uma biblioteca infinita de formas. Tudo que aprendemos na vida, tudo que observamos, tudo que codificamos, catalogamos, está nos rodeando em frequências energéticas, porque antes da maçã ser uma imagem ela é uma frequência energética.

A maçã é como uma mini estação de rádio, ela tem um código energético, então, quando falamos maçã, acessamos esse código energético que o cérebro decodifica e transforma na imagem maçã no cérebro físico, na mente racional. Agora, qual a relação entre formas pensamento e projeção astral?

Podemos ter formas pensamento que raramente acessamos ou que por sua utilidade aqui na Terra, fixamos e usamos continuamente. Quando paramos de pensar em uma forma pensamento ela perde força e desaparece nesse mar de formas pensamento, quando a acessamos com frequência vamos dando força à ela. E claro, podemos criar formas pensamento positivas ou negativas.

Então, por exemplo, se ficamos o dia inteiro pensando em carência de dinheiro, estamos alimentando essa forma pensamento em nosso campo. Ficamos repletos de imagens de escassez, de nós não conseguindo pagar as contas, por exemplo. Enquanto reafirmamos dia após dia essas formas pensamento elas ficam cada vez mais energizadas, ao ponto de nos rodear completamente.

E quando vamos para o plano astral, todos são capazes de ler essas formas pensamento em nós, seja um ser de luz ou um obsessor. Em nosso campo energético estará nítido todas as formas pensamento que são predominantes em nossos pensamentos. E um obsessor pode usar essas informações para nos acusar justamente daquilo que nos ressentimos, do que mais temos vergonha.

Curso de Projeção Astral

Além disso, o obsessor pode utilizar uma imagem mental que criamos de um medo, jogando essa imagem de volta para o nosso cérebro físico, nesse caso, sentimos como se fosse real, nosso maior medo se materializando. Mas devemos observar que essa forma pensamento já existia em nosso campo, o obsessor apenas usou isso para nos assustar ou fazer sofrer.

O cérebro físico trabalha com essa biblioteca de formas pensamento que possuímos e isso influencia em como vamos rememorar nossa experiência projetiva. Quando retornamos trazemos informações energéticas que entram pelos chakras, vão até a pineal que as decodifica, mas se não houver referência para a experiência vivida o cérebro vai utilizar a forma pensamento mais próxima que encontrar.

Por exemplo, saímos do corpo e temos contato com nosso mentor espiritual, só que o cérebro não entendeu o que estava vendo, então, ele pega uma forma pensamento de alguém que seja como um mentor para nós ou mesmo de algum familiar desencarnado e quando voltamos para o corpo ficamos com a memória de termos encontrado alguém que já nos era conhecido.

Seguidamente meus alunos contam que sonharam com o pai desencarnado, mas na maioria das vezes era na verdade um mentor, um ser de luz ou um amigo no plano astral. Porém, como não tinham a forma pensamento referência desses seres, usaram a do pai na rememoração.

Quando projetados podemos ir para uma cidade astral futurista, mas quando voltamos nosso cérebro não tem essa referência, então ele busca formas pensamentos mais próximas daquilo que experienciou para formar a rememoração. Nesse caso, podemos acordar com a memória de ter estado em Dubai, Tóquio ou alguma outra cidade terrena ultramoderna.

Esse mesmo mecanismo acontece com tudo que não temos uma referência prévia, por isso, ocorrem muitas distorções na rememoração de projeções astrais. Cerca de 40% das lembranças do que vivemos fora do corpo são distorções do cérebro, portanto, não devemos confiar totalmente nas rememorações.

Quando os obsessores usam nossas formas pensamento para nos atemorizar, provavelmente com o susto vamos retornar para o corpo físico ou ficar submissos e ter o chi roubado. Como disse, no plano astral todo mundo é capaz de ler outra pessoa, por isso não existe máscaras lá, não é possível fingir ser outra pessoa, pois tudo fica gravado em nosso campo energético.

Então, o trabalho enquanto encarnados no planeta Terra, é vigiarmos nossas formas pensamentos, pois sabemos que elas podem ser usadas contra nós. Mas como paramos de dar força para elas? Parando de pensar nelas. Quanto mais tempo ficamos sem pensar em uma forma pensamento, mais a energia dela se dilui até que ela se desfaz.

Por isso, é tão difícil largar vícios, precisamos esperar que essas formas pensamento se desfaçam. Pois, o mesmo trabalho enorme que temos para criar uma forma pensamento, porque usamos muita energia para que ela fique claramente visível em nosso campo, temos para desfazê-la.

Existem também as formas pensamento coletivas, porque a humanidade tem a capacidade de criar coletivamente formas pensamentos que são os seus pensamentos mais recorrentes. Vou usar um exemplo banal, o Batman, se houver milhões de pessoas assistindo e comentando sobre o Batman, então essa forma pensamento começa a existir no plano energético do planeta.

Uma família também pode criar formas pensamento em conjunto no lar. Às vezes as pessoas acham que há um obsessor na casa, mas na verdade pode ser formas pensamento. Por exemplo, pensamentos de ansiedade constantes da família criam formas pensamentos de ansiedade que ficam no campo magnético da casa e apenas as pessoas tratando essa ansiedade elas serão desfeitas.

Formas pensamento é um assunto profundo e extenso, mas ainda assim espero ter sido esclarecedor o que conversamos até agora. Esse conteúdo servirá de apoio para os próximos temas, além de ser um conhecimento muito útil porque as formas pensamento permeiam inúmeros aspectos da nossa existência.

Bibliografia recomendada:
Copyright do texto © 2021 Tibério Z

Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste artigo pode ser reproduzida ou usada de qualquer forma ou por qualquer meio, eletrônico ou mecânico, inclusive fotocópias, gravações ou sistema de armazenamento em banco de dados, sem permissão por escrito, exceto nos casos de trechos curtos citados em resenhas críticas ou artigos de revistas.

ISBN nº 978-65-00-23711-5

Quer receber conteúdos exclusivos?

Preencha seu e-mail abaixo e receba artigos, e-books, datas de lives, novos cursos e muito mais:

sensações da projeção astral
11 sensações comuns na projeção astral
Nesse artigo vamos refletir sobre 11 sensações comuns na projeção astral. Com certeza vocês sentiram pelo menos uma dessas sensações ao longo da vida.
sonhar-com-o-futuro
Sonhar com o futuro
Sonhar com o futuro pode ser um acesso a biblioteca de registros Akáshicos ou apenas uma liberação do inconsciente, vamos analisar as diferenças nesse artigo.
sonhos e projeção astral
Diferença de sonhos e projeção astral
Existe uma diferença entre sonhos e projeção astral. Nesse artigos vamos ver como podemos identificar se foi um sonho ou uma projeção.
acoplamento áurico
Acoplamento Áurico
Acoplamento áurico é quando dois ou mais campos de energia se conectam trocando informações entre si.
formas pensamento
Formas Pensamento
Formas pensamento são frequências energéticas que ficam na dimensão mental inferior e servem para conseguirmos interpretar e criar a realidade.
tipos de projeção astral
3 tipos de projeção astral
Tipos de projeção astral são as formas mais comuns que a saída do corpo pode ocorrer com as pessoas.

Quer receber conteúdos exclusivos?

Preencha seu e-mail abaixo e receba artigos, e-books, datas de lives, novos cursos e muito mais: